REGISTROS DAS AÇÕES

Fôlego

2009
Instalação de Martha Niklaus e Suely Farhi, no Museu de Arte Contemporânea de Niterói, Rio de Janeiro, Brasil

Mais informações sobre o projeto FÔLEGO ...


FÔLEGO é o resultado do dialogo entre as duas artistas, a arquitetura, a paisagem e o entorno sócio econômico do Museu. Tudo se mesclou resultando em uma montagem que utiliza o espaço da exposição como lugar de convivência, sem compartimentá-lo.

Para Martha, as paredes se tornam uma reprodução da carta celeste local, com minúsculas estrelas formadas por milhares de fotos de pessoas, que fazem parte de seu livro Histórias Ilustradas de “peixes, iscas e anzóis”, uma coleção de tipos humanos fotografados pela artista, durante cinco anos, onde faz uma crítica aos processos classificatórios. Em duas ilhas Observatório, estão o livro e as lunetas, que servem de instrumentos para a observação visual. Em uma terceira ilha, a da Captura, o visitante pode deixar-se fotografar e ter sua imagem inserida nesta coleção.

Suely sugere uma liquefação do piso ao dispor bóias, de vários materiais, como borbulhas, em fluxo no espaço. Para a artista, a palavra SALVA VIDAS traduz o espírito de nossa época, onde tudo urge. Assim desenvolve um jogo de palavras que estão nas bóias e nos dois vídeos Beuys e Bóias- Sal das Dádivas, homenagem ao artista militante ecológico Joseph Beuys. E o outro, Boys e Bóias- Viva Dia a Dia, nos mostra a constante relação entre bóias e meninos. A ação da artista estende-se para o entorno do Museu, onde distribuiu camisetas com seu poema SALDA DÍVIDAS, às pessoas que ali trabalham informalmente.